Ex-alunos nas entidades estudantis: por que e como aproveitá-los ao máximo? 
Atléticas Entidades Entidades x Distanciamento Social

Ex-alunos nas entidades estudantis: por que e como aproveitá-los ao máximo?

Alguma vez você já se questionou sobre a importância dos ex-alunos nas entidades estudantis? Isso mesmo, aquele pessoal que fez parte, deu tudo de si, e já se formou. Pode parecer que esse pessoal já superou mais uma fase da vida, foi em busca de novos sonhos e literalmente largou o osso. Mas não é bem assim! Por isso, hoje vamos falar como e porque você deve absorver ao máximo a experiência dessas pessoas! 

Essa galera sempre foi fundamental para auxiliar e trazer uma perspectiva diferente para as situações, seja um problema numa festa, ou seja numa nova ideia! E isso tende a ficar ainda mais evidente numa situação de pandemia mundial.

Sabe quando você pensa consigo mesmo: “Ninguém consegue entender o que eu estou sentindo com esse pepino pra resolver”. Acredite, os ex-alunos conseguem! Eles entraram na sua faculdade, escolheram as entidades, viveram as experiências e guardaram tudo isso como uma linda lembrança. Então, além da bagagem acumulada, eles ainda podem oferecer muita empatia! 

Ex-Alunos nas entidades estudantis: Por que aproveitá-los? 

Ex-Alunos nas entidades estudantis: Por que aproveitá-los?

Primeiramente, vamos refletir juntos alguns motivos que podem deixar claro a necessidade de manter as pessoas que foram parte da sua entidade por perto! Depois disso, nós iremos apresentar algumas ideias de como fazer.

  • Identificação e sentimentos

Quando você está presente na sua entidade, já consegue perceber o impacto que ela tem durante a sua graduação. Ao se formar e se desligar dessa realidade, você percebe que a intensidade era ainda maior. Ex-alunos de entidades estudantis possuem os mesmos sentimentos e principalmente, identificação com o seu momento. Por isso é fundamental ter contato com eles!

  • Troca de Experiências e Reciprocidade

Você pode ter certeza, quando alguém da gestão atual chega perguntando das experiências passadas de um ex-aluno,  a maior parte deles vai ao delírio! Todo mundo ama revisitar boas lembranças e compartilhar histórias! Ou seja, eles sempre irão compartilhar o que você tiver interesse em saber. Mas não se esqueça, é uma via de mão dupla. Em outras palavras, você também deve estar disposto a ouvir e absorver o melhor de tudo. 

  • Treinamentos e Cases de Sucesso!

Você provavelmente já ouviu pelos corredores “Fulano que entra em entidade x não quer nada com nada da vida”. Aí vem um ótimo motivo de ter seus ex-alunos e membros por perto: Traga cases de sucesso para mostrar que a realidade é outra! Nós já mostramos que entidades são super reconhecidas no mercado de trabalho, mas quem melhor para falar sobre isso do que um ex-aluno? Além dessa opção, você também pode pedir por treinamentos de acordo com a área de atuação da galera. Aproveite esse momento em que as vídeo chamadas estão em alta, e conecte a galera! 

Ex-Alunos nas entidades estudantis: Como criar vínculos?

Como criar vínculos?

  • Comunicação

Primeiramente, para começar, você deve estabelecer uma comunicação ativa! Nesse caso, a melhor opção pode ser uma lista de emails com a própria graduação da faculdade! Grupos de whatsapp e Facebook também são super válidos, só tenha cuidado para não perder o controle e deixar tudo perdido e cansativo. Tudo deve ser feito por um motivo! Se for melhor, foque em um grupo apenas com os ex-alunos que foram da sua entidade!

  • Reuniões em conjunto

Como você percebeu, os ex-alunos de entidades estudantis carregam muita experiência que pode ser aproveitada. Com antecedência, convide-os para uma reunião de brainstorm, ou até mesmo de pré planejamento. Assim, eles poderão ser extremamente úteis, apontando dicas e um norte a ser seguido.

  • Venda de produtos exclusivos

Essa também é uma ótima via de mão dupla! Ex-alunos adoram saber que a entidade de certa forma pensa neles e por outro lado, sua entidade tem uma renda extra. Por que não vender alguns produtos focados naqueles que já saíram? Mas não se esqueça de realmente entender o perfil da galera que já está em outra realidade. Busque grupos desse pessoal, listas de emails, faça uma pesquisa com ideias de produtos. Até porque, não adianta você tentar vender um abadá e um tirante pra quem (infelizmente) não vai mais em festas universitárias. 

  • Churras dos Ex-Alunos

Já que esse pessoal não frequenta mais o ambiente universitário, por que não tentar reunir os “dinossauros” num dia especial? Mas atenção: Um evento como esse deve ser divulgado com a maior antecedência possível, provavelmente, muitos dos ex-alunos estão em outras cidades. Além disso, o objetivo aqui não é o lucro, e sim a experiência. O evento deve ser de qualidade, para que assim, todos queiram sempre voltar!

  • Associação de Ex-Alunos

Essa é uma ideia mais avançada, que pode exigir um pouco mais de trabalho, porém, se bem executada, com certeza trará bons resultados. É basicamente uma assinatura! Sua entidade pode desenvolver uma Associação para Ex-alunos, onde eles contribuem com um valor (que pode ser mensal, anual) e eles adquirem alguns benefícios, como um produto exclusivo, uma camiseta comemorativa, um convite para o Churras do Ex, ou algo que seja relevante nas tradições da sua entidade! Por último, não esqueça de organizar uma transparência da verba arrecadada com essa associação, isso mostrará aos ex-alunos comprometimento e um bom trabalho!

  • Newsletter

Deixamos essa ação por último, porque ela reúne diversos tópicos que citamos. Com uma lista de emails, você pode desenvolver uma newsletter mensal, comunicando datas de eventos (Churras dos Ex), divulgar produtos exclusivos, apresentar a associação e outras infinitas informações! Tudo isso de uma forma organizada e profissional, obtendo um vínculo ainda maior com esse pessoal! 

Ex-Alunos nas entidades estudantis: Quem foi, sempre será!

Quem foi, sempre será!

Acima de tudo, existe um motivo maior de tudo isso: A jornada de cada um! Falando no lado emotivo da coisa, todas as pessoas que são impactadas com essas ações, viveram e aproveitaram uma fase da vida tão boa quanto a sua atual. Manter esse vínculo, é um convite para revisitar sempre as boas lembranças, os amigos, as histórias.

E como já dissemos anteriormente, os benefícios são recíprocos, porque uma vez que você fez parte desse ciclo, sempre será parte dessa história. Se a sua entidade ainda não possui nada nesse sentido, comece! Um dia, você estará do outro lado, e nós garantimos que ficará muito feliz quando for procurado por uma ideia que foi implementada por você.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *