Partyou na Go Winners
Eventos

Veja a participação da Partyou no Go Winners

Por Beatriz Contelli e Jéssica Stuque

No começo do mês de agosto, nosso CEO Otávio Dutra participou da 5ª edição do Go Winners, um programa que visa despertar a autoconfiança e o potencial de jovens que estão entrando no mercado de trabalho.

Realizado na cidade de Piracicaba e com duração de oito dias, o programa reuniu mais de 50 jovens, que participaram de módulos de aprendizagem sobre autoconhecimento e negócios. Feiras de recrutamento com as empresas patrocinadoras e bate-papo também são parte do evento.

Entre as atividades da programação estava uma roda de conversa com CEOs de destaque no mercado. Foram eles: Otávio Dutra (Partyou), Fernando Petrolino (Elring Klinger) e Daniel Sonoda (Pecege).

Uma das características mais interessantes desta roda de conversa foi a diversidade de perfis de empresa: uma de tecnologia, uma fabricante de peças automotivas e uma de educação criada dentro da universidade. Mas, apesar de apresentarem perfis distintos, com gerações e modelos de negócios diferentes, os desafios se mostraram bem são parecidos.

Confira abaixo alguns dos temas do bate-papo.

Como ser um profissional admirado?

Essa foi uma das perguntas levantada pelos jovens. E, nesse tema, os três líderes concordaram. A questão principal não é admiração, mas sim respeito. “Ninguém precisa ser admirado no local onde trabalha, mas é preciso respeitar as qualidades e conhecer os defeitos do outro, pois a maior qualidade que um profissional pode ter é reconhecer o que não sabe fazer.”, contou Otávio. E complementou: “é respeitável buscar meios para aprender, mas também é respeitável pedir por ajuda.”

Vida pessoal x trabalho

Outra dúvida apresentada pelos estudantes foi sobre como equilibrar vida profissional e pessoal. Otávio ressaltou que neste momento da vida dele, com seus quase 30 anos, ele não se importa de doar um pouco mais para o trabalho. Já Fernando e Daniel tem que equilibrar mais as tarefas com a vida familiar. Mas nada é impossível.

Os desafios e prioridades são diferentes de profissional para profissional, mas com o tempo e novas experiências, nós nos tornamos capazes de balancear a vida dentro e fora dos negócios.

Diferente, mas igual

Apesar das diferenças de geração e de negócio, deu para perceber que os desafios dos empreendedores são muito parecidos. “Quando conseguimos juntar três empresas distintas e falamos essencialmente a mesma coisa, a lição está aí. Estamos falando de trabalho, estudo, autoconhecimento e resiliência”, comenta Otávio, ao assinalar que além de qualificações técnicas, é preciso desenvolver o lado humano dos jovens.

Sobre o programa

A Go Winners desenvolve atividades focadas em integrar universidades, alunos e empresas para desmistificar crenças em relação ao mercado de trabalho e contribuir com o desenvolvimento profissional, mas também mostrar aos estudantes o valor de suas qualidades, que através de métodos de aprendizagem colaborativo e experiencial, terão a oportunidade de propagar mudanças inovadoras por onde passarem. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *