Com o que me preocupar na hora da troca de gestão?
Atléticas Entidades Gestão de Pessoas

Com o que se preocupar na hora da troca de gestão?

Se você chegou nesse conteúdo do nosso blog, é porque de alguma maneira está envolvido com uma possível Troca de Gestão na sua entidade! O momento de passar o bastão, encerrar as atividades de algumas pessoas e começar um novo ciclo! 

E como todos sabemos, a situação não está fácil! A pandemia também impactou diretamente nas atividades e na organização das entidades estudantis, e com isso, a preocupação com a troca de gestão deve ser redobrada! 

Esse momento delicado envolve MUITA coisa! Desde a carga emocional (nostalgia dos que estão saindo e o frio na barriga dos que estão entrando pra agarrar os futuros desafios), até toda a burocracia e alguns cuidados que são essenciais para evitar alguns probleminhas. E é para isso que nós estamos aqui! Confira as nossas principais dicas para a Troca de Gestão da sua entidade! 

 

1.Burocracias de uma troca de gestão

Burocracias de uma troca de gestão

Primeiramente, precisamos começar com a parte mais chatinha (e essencial). Ocasionalmente, pode ser que sua entidade já tenha suas próprias burocracias, e caso ela não tenha, você pode dar início a algumas práticas que são importantes, como por exemplo uma ata de posse e um estatuto. Converse com a pessoa que cuidou desses detalhes no início dessa gestão! E caso você queira saber mais sobre esse tópico confira: Regularizar a entidade: a importância da documentação estar em dia

 2. Gestão das Informações

Gestão das Informações

Essa provavelmente é uma das questões mais amplas e delicadas. Isso porque, o ideal é que a gestão de informação seja muito bem executada durante todo o ano. Documentos armazenados em nuvens, Fotos, vídeos, atas de reuniões, planilhas de contatos e fornecedores, dentre outros arquivos cotidianos. Se isso não aconteceu, é interessante se preocupar com isso na troca de gestão. Em suma, marque um dia com alguém da gestão atual para alinhar tudo isso! Dá um trabalhinho, mas vale muito a pena! 

3. Contatos principais

Contatos principais

Independente do cargo que uma pessoa possui na sua entidade, nós garantimos que ela tem contatos que são fundamentais para manter determinados pontos com excelência (ou até mesmo ciladas que você precisa fugir!). Nós nem precisamos comentar muito da importância de se preocupar com isso se chegou a hora da Troca de Gestão, né? Atualiza os contatos na agenda do celular, cria uma planilha, mas FAÇA ISSO! Nada de retrabalho e começar tudo isso do zero! 

4. Panorama Financeiro

Panorama Financeiro

Mesmo que você tenha uma equipe que cuida diretamente do financeiro, as informações de caixa são extremamente importantes. Pelo menos toda a futura diretoria deve estar ciente dos resultados que foram alcançados e qual é o cenário que virá pela frente. Dessa maneira, a entidade já se prepara com o que é básico para o planejamento de todas as áreas restantes, visto que, cada departamento tem seus custos e suas previsões de arrecadações.

5. Balanço das metas e objetivos 

Balanço das metas e objetivos

Assim como tudo que já foi citado até agora, chegou o momento das metas e objetivos. E impossível você não se preocupar com isso na hora da troca de gestão. No caso das pessoas que forem assumir estarem na entidade durante o ano atual, elas já tem uma noção maior, mas, mesmo com ele, o ideal é que todos sentem para passar suas próprias visões. Quais metas e objetivos cada um tinha no começo do ano? O que foi alcançado? E o que não foi? Essas reflexões são importantes para saber o que ainda vale a pena ser batalhado no ano seguinte!

6. Retrospectiva da gestão atual

Retrospectiva da gestão atual

Na mesma pegada do tópico anterior, vamos manter esse raciocínio de fazer uma análise da gestão atual. Essa retrospectiva pode ser mês a mês, evento por evento, projeto por projeto. Tudo vai variar de acordo com as necessidades de cada pessoa que está envolvida. Contudo, essa troca de experiências não pode deixar de acontecer! 

7. Alinhamento entre a gestão atual e a futura

Alinhamento entre a gestão atual e a futura

Resumindo tudo, alinhamento é a palavra chave para esse momento! Em alguns casos, quem está saindo costuma estar cansado e pode estar um pouquinho ansioso pra “largar o osso” mas é preciso insistir nesse processo de alinhamento! Uma dica preciosa é aproveitar e ter um período de Cogestão (um momento em que as pessoas que assumirão os cargos no futuro dividem a responsabilidade com os atuais). 

8. Motivações!

Motivações

Por fim, uma preocupação que sempre surge na hora da troca de gestão, e é totalmente natural e bem vinda, é compreender a motivação das pessoas que estão para assumir os cargos no futuro. Acompanhar essa galera, conversar e compreender o que se passa na cabeça de cada um é muito interessante para que ninguém fique frustrado e que todos sigam empenhados! 

Nós sabemos que na correria das atividades diárias, dos imprevistos que surgem, é muito difícil separar um tempinho para realizar tudo que elencamos aqui. Pensando nisso, nossa dica é que você comece a inserir essas conversas, reflexões e todo o alinhamento da troca de gestão dentro de toda a cultura da entidade. Se isso virar uma “rotina”, todos estarão preparados para que isso aconteça no momento certo. 

Como dissemos no início desse texto, em tempos de pandemia, com muitas das atividades das entidade paradas (aliás, que saudades dos eventos, festas e integras), é um ótimo momento para aproveitar essa oportunidade e alinhar todas as ideias, refazer o planejamento e rever a forma com que as coisas funcionam. 

Conte com os seus parceiros! Se chegou a hora da Troca de Gestão, esse é o momento!

Conte com os seus parceiros

Outra dica válida, é marcar um bate papo com pessoas que fizeram parte de alguma gestão mais antiga. Mesmo que elas tenham vivido realidade diferentes da sua, vocês têm algo em comum: o sentimento pela entidade! E com toda certeza, você encontrará pessoas dispostas a falar sobre a experiência delas, que podem te trazer muitos insights e um gás extra nesse momento de troca de gestão. 

Concluindo, esperamos ter trazido algumas reflexões válidas para que você e sua entidade possam se preparar da melhor maneira possível para um troca de gestão e já ter em mente o que é útil ter como preocupação! O que você achou? Já tinha avaliado todas essas ideias? 

E não se esqueça, a Partyou está aqui pra te ajudar e facilitar sua experiência universitária! Portanto, conte com a gente!


Victor Godoy (Federado) – Formado em Administração pela FEA USP RP, foi Diretor de Marketing e Presidente da Atlética Flaviana Condeixa Favaretto. Trabalhou por 3 anos com jogos e eventos universitários.
Hoje, trabalha diretamente com Marketing e Produção de Conteúdo Digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *